sábado, 31 de julho de 2010

JOHN WILLIAM WATERHOUSE


John William Waterhouse foi um pintor neo-clássico e pré-rafaelita inglês, famoso por seus quadros representando personagens femininas da mitologia e da literatura. Nascido em 6 de abril de 1849, este grande artista faleceu em 10 de fevereiro de 1917. Filho de artistas, suas primeiras telas foram influenciadas pelo neoclassicismo vitoriano, pelo pré-rafaelismo e mais tarde sentiu-se atraído pelos impressionistas franceses,que também influenciaram suas telas.
Entre suas principais obras estão, sem dúvida, A Sereia, A Dama de Shallot (com várias versões), Ofélia (talvez a sua coleção de telas mais famosa, da qual há três versões, entre as quais a mais conhecida é aquela em que ela está em um barco à deriva, no Tâmisa), Colhendo Rosas, Ariadne, Santa Cecília e Lâmia, que ilustra este texto. Na mitologia grega, Lâmia (em grego, Λάμια) era uma rainha da Líbia que tornou-se um demônio devorador de crianças. Chamam-se também Lâmias um certo tipo de monstros, bruxas ou espíritos femininos, que atacavam jovens ou viajantes e lhes sugavam o sangue. Diversas histórias são contadas a respeito de Lâmia, e sua aparência também varia de lenda para lenda. Na maior parte das versões, contudo, seu corpo, abaixo da cintura, tem a forma de uma cauda de serpente, o que não ocorre nesta tela de Waterhouse, concebida em 1909.
FONTE DE CONSULTA: Wikipédia/colaboração: georgina ramalho

Um comentário:

Georgina disse...

Amei! Obrigada por publicar. Vou mandar mais colaborações. Abraço amigo!